Procon Estadual descarta mais de 100 produtos irregulares em supermercado da Capital

Campo Grande (MS) – A fiscalização do Procon Estadual, realizada ontem (21), em supermercado localizado na Capital, constatou mais de 100 produtos com diversas irregularidades e que estavam expostos normalmente para venda.

Produtos com prazo de validade expirado, inapropriados para o consumo, sem informações como prazo de validade, produtos fatiados sem qualquer especificação, produtos em peça também sem qualquer especificação, como mortadela e muçarela, foram descartados pelos fiscais.

Marcelo Salomão, titular do Procon Estadual – Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), ligado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), reforça que as fiscalizações do órgão são constantes e visam principalmente proteger o consumidor, observando o cumprimento da legislação consumerista pelos estabelecimentos fiscalizados.

O Procon Estadual disponibiliza o número 151 e o Fale Conosco do site www.procon.ms.gov.br aos consumidores para informações e denúncias.

Leomar Alves Rosa – Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast)